terça-feira, 16 de fevereiro de 2010

Magia pura, feitiço errado

João acordou apaixonado ainda mais por Luísa, pensando em círculos:
"Pois é, Pois é...
Como eu poderia imaginar que existiria tanta magia em um único lugar?!
Magia, pura, rara, única...em você, nesse teu olhar, nesse teu jeito
Fico aqui a pensar no teu olhar, aquele lá que você 'lança' pra mim em momentos improváveis, quando menos imagino. Os que mais me conquistam.
De onde veio você? ei...você só pode ser um sonho meu! dos mais lindos e tranquilos...
Me hipnotizar com seu olhar e me embebedar com seus beijos! é isso que eu desejo.
Não mais, nada mais, isso já é mais do que eu esperava.
Silencia e faz parar."

E Maria agarrada às mãos que não de João. 

De José.